terça-feira, 15 de março de 2011

A gente vai entrar assim mesmo?

Uma vez eu fui pra praia com a galera e, como já é normal aqui na Bahia, tava muito calor. A gente passou a manhã inteira na praia. Andamos muito, tomamos banho no mar e decidimos almoçar na casa de um dos nossos amigos. Mas como a praia não tinha estrutura de barraca com chuveiro, acabamos indo pra casa dele molhados com água do mar e com areia no corpo.

Era a primeira vez que eu tinha ido na casa desse amigo. Quando eu cheguei lá, vi a casa dele toda limpinha, piso brilhando, tapetes no chão. Olhei pro corpo da galera e fiquei pensando:

- A gente vai entrar assim mesmo?

Apesar do dono da casa dizer que não tinha problema, que a gente podia entrar assim mesmo, ficamos meio que sem graça de entrar, porque sabíamos que não tinha condições de não sujarmos a casa com areia da praia. Sem falar que a gente ainda tava molhado, né? Era uma preocupação óbvia, apesar de alguns entrarem sem muita cerimônia e sem se preocupar se estariam sujando ou não a casa.

No Salmo 100, versículo 4 diz:

- Entrem por suas portas com ações de graças, e em seus átrios, com louvor; dêem-lhe graças e bendigam o seu nome.

Esse versículo diz a forma como devemos entrar pelas portas e pelos átrios do Senhor: com ações de graças e com louvor. Mas como é que você tem entrado? Será que as sujeiras no seu corpo tem gerado em você algum sentimento de incômodo ou de arrependimento?

Parece que muitas pessoas hoje em dia não tem mais se importado com a sujeira dos seus corpos. É como se o pecado fosse algo normal, fingem estar tudo tranqüilo e ainda se acham santos. Eu sei que todos nós pecamos, mas temos que ter nojo do nosso pecado. Infelizmente, aquele versículo que diz que "todos pecaram" (Romanos 3:23) tem causado conformismo. É como se dissessem: "já que todos pecaram, então não preciso me preocupar com. É normal! Afinal, todo mundo faz isso!"

Nós não nascemos para o pecado, nascemos para brilhar a luz de Cristo e exaltar Seu nome!

- Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês! Pecadores, limpem as mãos, e vocês, que têm a mente dividida, purifiquem o coração. (Tiago 4:8)

Abraços!

Um comentário:

Eder disse...

Brigado, cara! Só te peço pra nunca parar com isso aqui! Me edifica e edifica outros, com certeza! Um abraço forte!