quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Cadê o "baiano"?

Uma vez eu fui num acampamento lá em Curitiba. Eu já morava em Salvador. A viagem tinha tudo pra ser maravilhosa, não fosse um detalhe.

O vôo era de manhã bem cedo, deu tempo de ver o Bom Dia Brasil da Rede Globo. Quando foram falar do tempo, eu fiquei congelado na frente da tv. Em Salvador tava marcando, de manhã, algo em torno de 28º C e em Curitiba… 0º!!! Passei bastante tempo arrumando a mala pra agüentar o frio que imaginava que fosse pegar lá. Eu vesti uma calça normal, uma camisa simples e um tênis. Na hora que vi a notícia, levantei e saí correndo até a mala pra colocar mais roupas no corpo. Coloquei um par de luva, outra calça, casacos… Tava gordo de tanta roupa que tinha vestido. hahaha!

Quando o avião chegou lá no aeroporto de Curitiba, o céu tava lindo, azul, sem nuvens… pensei que a meteorologia tinha errado de novo!

Na verdade, eu é que tava errado! Apesar do céu limpo, o frio tava insuportável. Minha mão quase ficou grudada no carrinho de bagagens. Mas o pior estava por vir! Fiquei sabendo que o lugar do acampamento era numa serra do Paraná e não em Curitiba. Eles disseram que era mais frio que a capital. Pensei em voltar pra Bahia. Aqui o sol esquenta de verdade!

Na primeira noite, peguei o meu cobertor e fui dormir. Mas percebi que ele só servia pras noites "frias" de Salvador, com termômetro marcando 20º C. Lá tava abaixo de 0º. Solução? Tirei as roupas da mala, literalmente entrei na mala, joguei as roupas por cima e peguei o colchão de uma outra cama que tava vazia e joguei por cima de mim. Orei pra Deus não deixar eu morrer congelado. Tive medo. É sério! Dessa vez não é brincadeira! Fiquei com medo de morrer mesmo!!!

Acordei com os paranaenses perguntando:

- Cadê o "baiano"? - Apesar de ser carioca, eles me chamavam de baiano por morar na Bahia.

Eu tava embaixo daquilo tudo! Por um milagre, eu tava vivo! Eu achava que tinha levado roupas de frio suficiente pra me esquentar. Tinha certeza disso! Mas tava errado!

Fico aqui pensando que no dia que Cristo voltar, levaremos apenas as coisas necessárias para a grande "prestação de contas", frente a frente com Deus Pai!

Nossa vida aqui nada mais é do que um "arrumar de malas" pra maior de todas as viagens. Uma viagem pra um lugar onde ficaremos por lá eternamente! Onde? Vai depender da sua mala.

Fico preocupado com as coisas que temos colocado na nossa mala. Vejo pessoas colocando orgulho, rancor, egoísmo, cada vez mais tirando o amor de dentro da mala… Amamos ao próximo, desde que ele seja nosso amigo, não seja da nossa família e nunca tenha pisado no nosso calo. Aí, sim, o amamos! Queremos sempre estar por cima. Sempre achamos que estamos certos, mesmo quando, no fundo no fundo, sabemos que não estamos.

A Bíblia é muito clara quando diz:

"Quem poderá subir o monte do Senhor? Quem poderá entrar no seu Santo Lugar? Aquele que tem as mãos limpas e o coração puro, que não recorre aos ídolos nem jura por deuses falsos. Ele receberá bênçãos do Senhor, e Deus, o seu Salvador lhe fará justiça." - Salmo 24: 3-5

Pare um pouco e veja o que tem dentro da sua mala! Talvez você precise refazê-la por completo. Jogar tudo no chão e arrumá-la novamente. Se for isso mesmo, não perca tempo. A gente não sabe a hora que começa a nossa viagem!

Abraços!

9 comentários:

Evelyn Brito disse...

Crebiis... amei, nossa... e é exatamente isso que estou fzd no momento, revendo a minha mala, jogando fora oq n preciso, msm que eu goste (e isso não é facil), mas se for pra estar mais perto do meu Deus, vou me desprender! xD
Continua ae, ta sendo uma bençãao, cabeça! Beijoos

Danny Ramos disse...

uhuuuuu.... muito bom!!!
Eu trouxe uma mala de roupas que duraram apenas 15 dias em julho "de verão", 12°c foi o max. hehehehe... trouxe outra de roupa de frio, que só durou mais um mês... nunca imaginei que -10°c fosse tão frio... ainda não chegamos aos -20°c mas estamos caminhando pra lá, dezembro bate na porta e ...resumindo tudo que trouxe nas 2 malas, não uso! Mas Deus é tão misericordioso que enviou pessoas pra me darem o que eu realmente preciso e nada tem me faltado...conclusão: DEUS ME DÁ AQUILO Q EU REALMENTE PRECISO... não tenho q me "pré-ocupar", rsrsrs... tenho q CONFIAR Q ELE SEMPRE TEM O MELHOR PRA MIM!!! Valeeeeeu...

Junelma disse...

É a primeira vez que venho aqui no seu blog Tiu Kebi, e me deparo com este texto... UAU! Um tapa com luva de 'pelica'.
Isso é exatamente o que devemos fazer e não é fácil, mas ao mesmo tempo não é tão difícil... A medida que vamos ficando adulto tudo na vida muda. Sinto que quanto eu era adolescente era muito mais simples amar quem pisava em meu pé, ou quem me dava uma rasteira. Eu sempre lembro isso e tento voltar ao primeiro amor... Isso sem falar na correria da vida que acaba tomando meu tempo... Preciso desacelerar... Preciso encaixar na agenda um tempo exclusivo para Deus... Mas como? Se nem tempo para mim estou tento... Os últimos anos estou vivendo, trabalhando e gastando os meus ganhos com outras pessoas, minha mala esta uma bagunça e não tenho idéia de como fazê-la...

Monique Monteiro disse...

Crebi, sei que o objetivo do texto não foi este, mas foi muito bom lê-lo, para eu perceber que preciso me preparar melhor para chegar em Nova York em pleno inverno.
Também tenho um blog. Agora estou seguindo o seu. Beijo!

Monique Monteiro disse...

Agora falando sério, gostei muito do texto. Isso aí tem tudo a ver com "o seu coração está aonde você guarda o seu tesouro".

Simão disse...

Passar frio deve ter sido "chato", mas como vc suportou ser chamado de baiano?rs

Achei bacana a analogia, embora tenha algumas ressalvas que não vem ao caso.

Acho bala quando Deus usa experiências do nosso dia-a-dia pra falar com a gente. Na verdade, sei que Ele faz isso todos os dias. Quando não ouço, sei que o problema é com meu "ouvido".

Reity disse...

Muito bom Clebinhoooo!!

Aline disse...

Pensei em comentar, mas vc já tem muitos comentários heeheh Nota-se que vc tem nos abençoado através do seu blog.
Texto muito bom! Vc consegue "amarrar" direitinho suas experiências com reflexões cristãs.
Deus te abençoe, irmão!

Anônimo disse...

Cleber, gostei muito do texto. Faz agente pensar e refletir. Melhor, faz agente ver o quanto precisamos nos preparar e para isso é preciso ter ação senão....agente pode morrer né?!?!?!
Bjs, te amo muito!!!