segunda-feira, 16 de maio de 2011

Vivemos nessa correria

Apesar de estar trabalhando num ritmo muito maior do que o normal, eu não paro para reclamar do meu trabalho. Muito pelo contrário! Até mesmo porque gosto muito do que faço aqui. Mas fiquei pensando no esforço que a gente faz pra poder ganhar o salário do final do mês! Se não tiver trabalho, não tem salário. E sem salário não pagaria as contas e nem teria como fazer investimentos ou outra coisa do tipo. Vivemos nessa correria porque esse mundo força a gente a viver em função do dinheiro.

Mas hoje, durante toda correria, olhei pela janela e vi um bocado de passarinhos brincando do lado de fora. Eles voavam em movimentos quase que repetitivos. Na mesma hora eu pensei comigo mesmo:

- Eu aqui me matando de trabalhar e os passarinhos lá fora brincado sem preocupação alguma!

Não tem como não lembrar de Mateus 6: 26 que diz o seguinte:

- Observem as aves do céu: não semeiam nem colhem nem armazenam em celeiros; contudo, o Pai celestial as alimenta. Não têm vocês muito mais valor do que elas?

A nossa tendência natural é correr daqui pra lá, de lá pra cá, fazer e acontecer. Tentar fazer tudo com a nossa própria força e inteligência. Somos levados a fazer da nossa vida uma correria total em busca de algo que consiga dar alegrias e satisfação pra gente. Tem gente que, quando está triste, vai no shopping comprar roupa ou vai no cinema, fica até mais tarde no trabalho, vai passear, enfim, faz alguma coisa pra ocupar a mente e, assim, se sentir "melhor".

Esquecemos que, da mesma forma como Deus cuida das aves, Ele também cuida de nós. Esquecemos que do valor que nós temos pro Deus que nos criou.

O restante deste capítulo 6 diz:

- Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? (Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.

Lendo esse texto, fica bem claro pra mim que o que tem atrapalhado a nossa vida, é que nossas preocupações vão muito além do básico. As coisas supérfluas nos sufocam e fazem a gente não ter tempo nem mesmo para buscar "o reino de Deus, e a sua justiça". Assim como qualquer um nesse mundo, queremos sempre mais. Se temos um carro, queremos trocá-lo por um modelo mais novo. Se temos um sapato, queremos mais 10. Essa busca interminável acaba levando a gente à uma canseira e para longe de Deus e da sua vontade.

Você tem vivido assim? O que falta pra você fazer um balanço de como está a sua vida e focar no que realmente é necessário?

Não deixe o tempo passar. Faça essa análise o quanto antes!

Abraços!

Nenhum comentário: