terça-feira, 9 de abril de 2013

Por que você não gosta de bacalhau?

Me lembrei hoje de algo que aconteceu um tempo atrás quando almocei com uma pessoa e coloquei no prato somente carne vermelha, enquanto no prato dessa pessoa tinha um pedaço de bacalhau que, confesso, parecia estar muito bom. Assim que essa pessoa viu que eu não tinha pegado bacalhau, tive que responder a seguinte pergunta:

- Por que você não gosta de bacalhau?

Eu poderia simplesmente responder que “não gosto porque não gosto” (hahaha) ou ser bem simples na resposta. Mas eu quis enfeitar e falar bonito e difícil. Respondi da seguinte forma:

- Não como bacalhau porque as enzimas liberadas pelo bacalhau causam desconforto no meu sistema digestivo.

Caracaaaa!!!! Falei bonito!! Pode concordar comigo!! Óbvio que a pessoa aceitou a minha resposta como super convincente! Óbvio!!

Mas logo depois eu que fiz uma pergunta:

- E bacalhau libera enzima??

Não. Minha resposta está completamente errada! Apesar de estar bonita e convincente! É impressionante o que as palavras bonitas e faladas com a entonação correta fazem... Convence muitos a acreditar que elas estão certas mesmo estando erradas!

Ultimamente temos visto tantas coisas absurdas por aí sendo ditas em nome de Deus e, pior do que isso, tanta gente acreditando e dando “glória à Deus”! Muitas são tão absurdas que as vezes a gente se pergunta: “será que alguém cai nesse papo”? Esses dias, por exemplo, vi um cara “de Deus” dizendo que não concorda com determinado milagre que Jesus fez! E muito mais de mil pessoas disseram “amém”! Porém tem outras situações que as palavras são tão bem faladas, com entonações tão perfeitas e são ditas por pessoas de tanta confiança que muitos correm o risco de cair na “armadilha”. Inclusive eu e você. Tenham senso crítico!

1ª João 4:1 diz o seguinte:

“Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo.”

Por isso, digo: leiam a Bíblia sempre! Meditem! Tentem entendê-la o máximo possível! Orem! Busquem sabedoria! Intimidade com Deus!

Efésios 14: 14 a 16 faz um alerta:

“Não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente. Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, do qual todo o corpo, bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o aumento do corpo, para sua edificação em amor.”

Por último, gostaria de deixar um recado que Jesus disse:

“Acautelai-vos, que ninguém vos engane.” (Mateus 24:4)

Abraços!